04 junho 2012

Eu não me encaixo mais


Papai vive falando "as pessoas só vêem as pingas que eu tomo, nunca os tombos que eu levo". E ele nem bebe. Mas o sentido é bem propício para o momento. 

Depois que casei, engordei, cortei o cabelo e fui cuidar da minha nova vida. Recebi inúmeros comentários de anônimos "amigos" dizendo que me preferiam antes, mais bonita, mais magra, mais "feliz". Quem convive comigo diariamente, por outro lado, dizia "nossa, você ficou tão mais bonita depois do casamento". Estranho, né? Acontece que não cortei os cabelos porque casei, cortei porque quis, porque gosto de variar. Tive cabelos curtos durante anos e eu não era casada. Deixei crescer para poder fazer um penteado legal no grande dia, aproveitei para tirar a tinta preta de anos e depois quis cortar e voltar a ser loira. Grandes merda!! (desculpem!). Mas por que eu tenho que vir aqui explicar isso? Por ter um blog e ser julgada diariamente. Eu quis isso? Quis. Eu sei que quis. 

Engordei 8 kg. Ó, finalmente a curiosidade em torno desse número cabalístico é desfeita. Pronto, não tenho problema nenhum com isso: eu pesava 52kg, hoje peso 60. Mas no dia do casamento eu já pesava 55. E sabem porquê? Por que passei por um período complicado de stress no trabalho, muita cobrança, acho que vocês devem se lembrar. Na época, que foi bem quando marcamos o casamento (some-se ao trabalho todos os preparativos e tem-se uma louca surtada), comecei a tomar remédio para controlar ansiedade, anti depressivo. Esses remédios engordam, mexem com nosso metabolismo. Eu não engordei porque casei e virei uma senhorinha dona-de-casa desleixada. Eu engordei por causa do remédio, meus caros. E porque eu como sem culpa. E se eu posso ser mais feliz e o preço disso são 8 kg, que seja. 

A gente não sai por aí contando os problemas para todo mundo. A gente conversa com os amigos próximos, desabafa com a família. Mas quando a gente tem um blog, as pessoas perguntam, julgam, invadem. De repente o fato de você ter blog dá a elas o direito de querer saber de tu-do. Essa é a parte mais chata.

Acontece que eu estou feliz. Eu tenho uma vida maravilhosa. Eu tenho uma casa linda, num condomínio fofo, fiz amigos maravilhosos, tenho vizinhos que, em 8 meses, já viraram irmãos. Tenho uma família incrível, perfeita. Meu pai, minha mãe, meu irmão, meus sogros e minhas cunhadas são pessoas que só trazem luz pra minha vida. Meu marido me ama. Que mais eu posso querer?? Se eu estou gordinha, de cabelos curtos e, talvez, para alguns, mais feia, eu estou completa e feliz. Que tem mais importância?

A Mel falou uma frase que eu acho que resume bem: "não me encaixo mais". É isso. Eu não me encaixo mais nos novos padrões da blogolândia. Antes a gente brincava de ter blog, fazia amigos, mostrava a roupa que usou e pronto. Hoje a gente precisa seguir um padrão esquisito que eu não quero. Eu tenho vidinha real de quem acorda cedo, trabalha, dá comida pros gatos, passa no supermercado, faz janta, lava roupa, varre a casa. 

Eu tenho vida de gente que tá mais preocupada em ser que em parecer feliz. 
Sorry se isso ofende a alguns.

56 comentários:

Luciana disse... - Responder comentário

Falou pouco, mas falou bonito!

DricaPeixoto disse... - Responder comentário

O problema da exposição é exatamente esse, pessoas que se acham no direito de obter respostas sobre uma vida que não é sua.
Todos passam por transformações na vida, o tempo todo, mas alguns insistem em se ocupar com a transformação da vida dos outros.
Siga feliz, sempre!

Tatiana disse... - Responder comentário

Você tá linda. Pronto!
Beijos!

Tati

Pri S. disse... - Responder comentário

Ai que saudade de pessoas normais, gente como a gente, afetação e deslumbramento zero!!!!!!!!!!!!!!!

OBRIGADA pelo seu depoimento. Obrigada por ser normal e valorizar a essência e não as aparências ridiculamente impostas.

Que vc continue sendo feliz. Exatamente como vc é. :-)

Marta Alica disse... - Responder comentário

Parabéns, o que falta nas pessoas é bom senso, isso não existe mais.. Ninguém precisa dizer que estamos gordinhas o espelho nos fala mas as pessoas não tem o bom senso de vermos que estamos felizes desse jeito, e que outras coisas ocupam a nossa mente e são mais importante do que isso..
Passo por uma fase dessas e estou pouco me lixando para o que dizem..
Seja você e feliz!! beijos

Anônimo disse... - Responder comentário

E é por isso que adoro seu blog, ;D

|Juliana

Gê Simões disse... - Responder comentário

Oiii

Pra mim vc continua linda, seu blog cheio de dicas de looks e decoração que eu adoro... fora seus gatinhos lindos..
Acho que o que mais importa nessa vida é ser feliz, e vou ser bem sincera, nem percebi que vc tinha engordado...e o cabelo curto ficou lindo em vc, como eu disse logo que vc cortou...
Acho que tem mta gente por aí que adora "cutucar" os outros por mera insegurança, afinal acha que criticar outras pessoas faz se sentir melhor, qdo na real não é nada disso.

bjs

Anônimo disse... - Responder comentário

E uma pena!
Mas o importante e ser feliz!!!

Milena disse... - Responder comentário

Espero que essas pessoas malvadas não te façam desistir do blog, como eu já vi acontecer com algumas pessoas.

Senão....o que será de mim? Tomo café da manhã na mesa do escritório todo dia lendo seu blog...rsrs

Deixa que digam, que pensem, que falem! Deixa isso pra lá...e assim vai. Faça o que te faz feliz.

bjo
Milena
http://milenicesdamilena.blogspot.com.br

Morena disse... - Responder comentário

Linda! Não se preocupe, não se afete... sempre vai ter gente pra achar ruim. Mas, sinceramente, não deixo de ver UM post do seu blog. E, o que mais me incentiva a vir aqui todo dia, é que ele é diferente em todos os aspectos! Não tem os mesmos post's que fazem sucesso e que todos os blogs postam igual. Continue quem você é pois é isso que faz esse blog existir e não comentários bobos. Beijos.

Rejane Alves disse... - Responder comentário

Nem me fale Lily, essa é a parte chata da exposição. Se você é feliz dane-se os outros. O blog tem que ser por prazer e não por dever ou pra agradar alguém, quem não gosta fecha e não volta mais.
Boa Semana
Beijos

Nay disse... - Responder comentário

Confesso que o que sinto mais falta nos posts de looks são os óculos e a carinha nerd que eles tinham antes, mas sei também que as pessoas super tem o direito de mudar e acho bacana acompanhar isso por aqui!

Gostei do desabafo, apesar de achar que você se encaixa sim, num mundo melhor dos blogs onde as coisas são mais informais (mais mundo real!) e a gente não vem aqui pra saber da vida alheia mas pra ver essas mudanças e como as vontades "fashion" fazem parte do dia de pessoas comuns, que não trabalham nem vivem de moda mas também gostam de ter o seu estilo pessoal.

Não costumo comentar muito, mas fiquei tão triste quando a Mel fechou o blog (entendo, tudo tem um motivo, a vida muda, segue, as necessidades mudam) que achei que precisava deixar isso registrado por aqui. Pra mim o que você cria é uma conexão real, espontânea... enfim, é algo que eu gostaria que não desaparecesse pq no fundo precisamos muito de referências assim também!

Clau disse... - Responder comentário

Nossa, eu fui começar a tomar conhecimento desse povov que fica feliz em "gongar", azucrinar e tantos outros adjetivos... recentemente, depois de tantos comentários por aqui, da Mel e outros blogs... inclusive aquele período que a Mira ficou afastada...

É muita falta de (adicione o que bem quiser) esse tipo de coisa. É não levar nada a sério, não ter educação, respeito ou qualquer outro senso crítico e de limites...

É bem aquilo, se não gosta, não acompanha, mas daí a passar a odiar ou fazer comentários maldosos... Para que?
O que se ganha com essas coisas?

Lily, acompanho o seu blog (assim como o da Aline, Mel, Mira, Carol, Lual...) já faz uns 2 anos pelo menos... e foi esse jeito de escrever, essa coisa "eu sou de verdade" que me faz querer estar aqui todos os dia, acompanhando, aprendendo... me divertindo...

As coisas e as pessoas mudam...mas nesse caso, parece que essa coisa toda está ruindo... é triste ver isso... saudades de quando essa onda de hater e de coisas do tipo não era assim...

Bjos

maite disse... - Responder comentário

Lily linda linda e SEMPRE linda!

Sei exatamente o que está sentindo e acredita que um dia desses depois de um longo e tenebroso inverno publiquei uma fotinha minha no blog e houve um comentário tipo: "Nossa o que te aconteceu???".

Creio que me encaixo exatamente no seu texto e na frase da Mel "não me encaixo mais" RSRS.

Adoro seu blog, adoro nossos mundo de gatolândia e nossa vida real. E reitero você está linda, cada dia mais linda!

Beijos. Com amor.

Maite.

maite disse... - Responder comentário

Lily linda linda e SEMPRE linda!

Sei exatamente o que está sentindo e acredita que um dia desses depois de um longo e tenebroso inverno publiquei uma fotinha minha no blog e houve um comentário tipo: "Nossa o que te aconteceu???".

Creio que me encaixo exatamente no seu texto e na frase da Mel "não me encaixo mais" RSRS.

Adoro seu blog, adoro nossos mundo de gatolândia e nossa vida real. E reitero você está linda, cada dia mais linda!

Beijos. Com amor.

Maite.

Isa Vasconcellos disse... - Responder comentário

Lily, eu leio seu blog há muito tempo, inclusive ele foi uma das inspirações pra eu criar o meu.
Existem pessoas que se incomodam com a felicidade alheia e tentam fazer de tudo pra acabar com isso, aqui na blogosfera infelizmente também é assim.
Você deveria se orgulhar de ser uma blogueira da vida real, que não vive só disso e que ainda assim encontrou um espaço bacana aqui, com tantas pessoas que gostam de você(eu sou uma delas!).
De vez em quando também recebo comentários agressivos, de anônimos que se incomodam com a minha felicidade, mas sabe, o meu jardim também está florido, então eu nem ligo! Só espero que um dia esses anônimos também possam ter um jardim florido, pois aí eles vão se preocupar em cuidar do deles e deixar a gente cuidar do nosso.
Não mude, seja sempre assim. Cabelo curto, comprido, raspado, loiro, vermelho, preto, roxo... Seja você, pois foi isso que fez eu me apaixonar pelo seu cantinho. Você é demais!

Beijos,
Isa

www.reviravoltta.com

Anônimo disse... - Responder comentário

Eu acho isso tudo bobagem...você continua muito bonita. Mas se não está satisfeita ou se o blog já não te dá prazer, faça como a Mel, vá cuidar da tua vida real.
bj.

Anônimo disse... - Responder comentário

Tá certo Lily!!!!
Somos o que somos e não os que os outros querem que seja!!
Adoro seu blog, seus gatos, suas fotos, seus vestidos românticos, suas fotos de "inspirações"...enfim adoro tudo!!!
Continue sempre assim!!
beijos
Carolina

Renata Del Duque disse... - Responder comentário

Lili você é linda!!! Eu adoro seu blog,entro todos os dias há muito tempo,acompanhei os preparativos do seu casório,e adoro você,justamente por ser normal,vc não é como outras blogueiras que inventam coisas,se fazem pra parecer outras pessoas,eu vejo sinceridade em vc,vejo verdade em cada linha que escreve,e o seu marido escreve coisas maravilhosas tbm,muito hilario sempre!! Sério Lili,nunca comentei,por timidez,por achar que não seria relevante,mas hoje eu quis te escrever,pra você saber que eu existo deste outro lado da tela,e que eu me importo com vc e curto tudo que vc posta,sejam looks,inspirações,achados,desabafos,enfim tudo mesmo!!
Continue Lili,não pare,nem dê ouvidos á quem não tem coragem nem de mostrar o nome!!!
bjs

Renata Del Duque

Wivi Mattozo disse... - Responder comentário

Lily, não ligue para as pessoas que só querem nos colocar para baixo! O mais importante é a felicidade e o amor que temos de quem esta ao nosso lado e de quem (mesmo de longe) nos admira!
O mundo é dinâmico e isso inclui tudo na vida, inclusive nosso corpo! Não importa se esta acima do peso ou com o cabelo diferente, o que mais importa é se olhar no espelho e ficar feliz com aquilo que se vê! Isso vai além do físico, não é?
Continue essa fofa que és... e feliz! Com seu marido, seus gatos e a família toda! Os amigos reais e virtuais (me incluo mesmo sendo ausente nos comentários!)!!!!
Super beijo com muito carinho num dia chuvoso de Curitiba!

rosi disse... - Responder comentário

Minha linda, sigo seu blog e adoro seus looks, mas nunca postei nada...
Não ligue para as críticas, continue exatamente como está...vivendo sua vida da maneira que te faz feliz...
Siga em frente!!!
Bjs e fique com Jesus....

Anônimo disse... - Responder comentário

Concordo com você. Não tenho blog, mas as pessoas vivem julgando porque uso o cabelo mais curto e escuro, porque engordei um pouco, porque uso roupas mais conservadoras, porque não gasto meu dinheiro em um carrão para me exibir e etc. Estou feliz em ler bastante, fazer um pós-graduação, ter um casamento e muito amigos maravilhosos, viajar bastante, nadar bastante, ser bonita mas autêntica observar aves e plantas,fazer trilhas e ser feliz! Temos que nos preocupar em sermos feliz e ser diferente de outros que só querem parecer ser feliz, desfilar com roupas de grifes, carro para os vizinhos verem, que ficam fofocando e que se esquecem do conteúdo. Porque minha casa, meu coração e alma estão cheias de flores!beijocas, Julia.

Fafa disse... - Responder comentário

Lily, acompanho o seu blog há um tempão, achei o link dele por algum outro blog que nem lembro mais... O que me chamava atenção era o diferencial da sua moda " possível" , aquela que a gente poderia sair pra trabalhar, passear, namorar, fazer coisas normais que a maioria das mulheres " normais" fazem todos os dias mundo afora. Outra coisa que também fazia com que eu me identificasse bastante era que seu corpo sempre foi " real", mais magrinha ou mais gordinha, você representa o que somos de verdade, sem necessidade de corpo de modelete pra a roupa cair bem... Com isso, mesmo sem nunca ter te conhecido, sempre apreciei seus postes, acompanhei suas mudanças e com certeza nunca fez diferença se seu cabelo era comprido, curto, 8 kg a mais ou a menos, adquiridos com medicação ou pelo prazer de degustar a boa comida... ( e tem coisa melhor?) Portanto, ignore os babacas, sempre existirão! E não só você que todos os dias passa pelo crivo dos julgamentos alheios, mas cabe a você valorizar-Laos ou não. Seja você mesma, gostamos assim! Mesmo sem te conhecer!
Um forte abraço, Rafaella Valença.

Priss disse... - Responder comentário

Seja feliz Lily isso sim vale a pena, vc continua linda seja de cabelo comprido, curto, preto, claro, com mechas, gordinha ou magra, o que conta realmente é a maneira como vc respeita as pessoas da sua intimidade e suas leitoras.

Vera Lucia de Oliveira disse... - Responder comentário

Lilly, não ligue para essas pessoas. Fiquei tão triste com o fim do blog da Mel, não desista vc também. Adoro seu blog e o visito todos os dias. Você, a Mel e uma serie de outros blogs são referência para mim e graças a vocês aprendi a ousar, claro que adequando os estilos à minha idade, 54, profissão, professora e religião, Isso fez muita diferença na minha vida e minhas colegas de trabalho, meus filhos e marido, as pessoas da minha Igreja sempre comentam sobre o quanto estou bonita e bem vestida, sobre meus sapatos e bolsas e fico feliz. Alguns podem criticar mas não ligo pois tenho meus padrões e os sigo e tudo que aprendi sobre ser fashion foi com vcs. Obrigada e mil beijos.

Rita disse... - Responder comentário

O importante é ser feliz... Sinceramente acho que vc está mto bem assim... Siga em frente e não se abale com as críticas, analise o que é realmente importante e ignore o resto, afinal ninguém nunca precisou de resto pra ser feliz! Parabéns pelo blog e pela coragem

Viviane Moreira disse... - Responder comentário

Só não me diga que você vai fechar o blog?! Por favor, já tem um buraco deixado pela Mel, não faça isso com quem gosta de vc e só quer te ver feliz, eu não me importo com os quilos a mais (que se foram 8 não parecem!) e com os óculos de nerd (é tão vc e te deixa linda, eu tentei comprar um parecido e não curti em mim), enfim como te considero uma amiga quero vir aqui e te ver, ver você e te aceito como vc é! Não dê demasiada importância pra gentinha, são pessoas infelizes e vazias e usam o anonimato pra espalhar o amargor de suas vidas, mas não dê voz pra esse povo.
Amo vc e seu blog.
Dê importancia ao que vale a pena.
Beijos querida
Vi

Anônimo disse... - Responder comentário

Nem ligo para o que as pessoas pensam e leve sua vida adiante... você é linda por fora e por dentro... fique tranquila...
Sou sua fã... acompanho seu blog desde o ano passado, mas nunca postei nada...
Fica com Deus...
Beijos
Carmem Mesquita

Juliana disse... - Responder comentário

Oie. Acho que o complicado não é ser julgada. Mas isso acontecer por quem não nos conhece. E por esse mercado que virou os blogs, vamos ficar sem suas postagens tão divertidas, leves e inspiradoras.
Eu não te conheço, apenas te faço uma visitinha no seu espaço, e isso não me dá o direito de achar que posso opinar sobre qualquer coisa sua.
Beijo.

Cristiane disse... - Responder comentário

Vc tem um dos poucos blogs que gosto, pois mostra a mulher de hoje, a real, que trabalha, engorda, emagrece, limpa a casa, fica triste, feliz, afinal é gente como todos nós e não como outros que parece que vivem na torre mais alta do castelo esperando a vida passar. Boa sort.
bjs

Juliana disse... - Responder comentário

Oie. Acho que o complicado não é ser julgada. Mas isso acontecer por quem não nos conhece. E por esse mercado que virou os blogs, vamos ficar sem suas postagens tão divertidas, leves e inspiradoras.
Eu não te conheço, apenas te faço uma visitinha no seu espaço, e isso não me dá o direito de achar que posso opinar sobre qualquer coisa sua.
Beijo.

Patrícia Carla FAria disse... - Responder comentário

Lily, o que dizer após ler um texto que por si só já diz tudo?

Bem, não tenho blog, nem pretendo ter, nunca comento, mas todo santo dia, pela manhã ou noite passo aqui, sou apenas leitora e conheci o seu blog através do da Intuitif, pois comecei comprar as lindas bolsas da Liana há 2 anos, assim cheguei no seu e tive até coragem para te enviar solicitação de amizade no facebook, kkkkk. Te acho uma boneca, super família, realizada com sua vida e feliz sim, além da luz que transmite.

Você é uma das flores que amo visitar no jardim virtual, espero que não perca tão cedo a vontade de blogar, mesmo com toda a mediocridade que existe. Lembre-se sempre disso, você é feliz!

Abração.
Patrícia Carla, sua fã de Natal-RN

Anônimo disse... - Responder comentário

Lily querida, não comento nunca mas, hoje sou obrigada. Adorei a honestidade do seu post, mas tem um ponto em que não concordo e é sobre isso que eu vim te falar. Concordo com vc em grande parte do seu desabafo e entendo perfeitamente a sua necessidade de desabafar. Não deve ser fácil encarar comentários ofensivos diariamente. Não deve ser fácil ter um blog, por esse motivo. Eu não tenho um blog porque não sei escrever, não tenho nada de mto especial pra mostrar e especialmente não sei se teria a estrutura emocional que vcs, meninas que tem blog, parecem ter. Agora vamos à parte que eu não concordo. A parte é "não me encaixo mais". Isso eu posso falar por mim e pelas pessoas que eu converso. Embora existam pseudo "leitores" que eu considero na verdade lixos ambulantes circulando entre os blogs, e que não estão interessados no conteúdo do blog mas apenas em economizar no psicanalista e vomitar suas frustrações nos comentários, existem acredito eu, um número muito maior de leitores que te visitam diariamente que se identificam com voce como pessoa de verdade que é. Pessoas como nós mesmas, que tem vida, trabalho, problemas, q se casam, q engordam, que tem que tomar algum remédio e que são de verdade, como voce. Eu (falo por mim) não consigo me identificar com uma blogueira barbie girl in a plastic world, que só fala em grifes q eu (e a grande maioria, estamos falando de Brasil, ok) não tenho acesso, em viagens que eu não tenho acesso e em baladas e pessoas "in" que eu não tenho o menor interesse. E assim como eu, acredito que muitas de suas leitoras só te acompanham por isso, identificação. Então, me desculpe, mas será que nós leitoras queremos essa ficção que está por ai??? Eu particularmente, prefiro o conteúdo, me identifico com gente que existe, que fala pra mim, de igual pra igual. Então, flor mestra do nosso jardim, omo não comentar um post, tamanha a honestidade e verdade com a qual vc o escreveu?? É isso, força, Lily, eu sei que dá vontade de jogar tudo pro alto, não dá pra ser diferente. E se precisar de verdade, o faça, pois vc me parece uma pessoa de muita luz e essa luz nunca vai te deixar. Mas se decidir ficar mais tempo conosco, pense em nós quando a vontade de desistir surgir, delete comentários ofensivos, nem continue a ler qdo perceber o teor. Às vezes queria que o mundo virtual fosse um pouco mais real, pra botarmos esse covardes numa "rodinha" pra bater um papo e ensinar que respeito e bons modos nunca é demais....hahaha. Cabeça erguida, garota, vc é superior a tudo isso!!! E desculpe o post longo, nunca comento mas quando o faço, escrevo um livro....rsrs).Beijos minha querida! Angela(sua leitora pisciana, já comentei aqui faz teeeeeeeempo...)

Norma disse... - Responder comentário

Oi, Lily,
Sou uma das leitoras silenciosas que sempre achou o seu blog cheio de frescor, como as flores da casa. :-) Não se preocupe com os leitores: se é seu momento de fechar o blog, fique tranquila. Mas lembre que sempre haverá - ainda que seja uma minoria - gente que prefere assim, mil vezes, um blog que cumpre os propósitos originais de um blog: uma exposição não comercial, não pomposa, mas pessoal e afetiva, como é o seu. Seu blog vai fazer falta nesse panorama.
Abraços
Norma

Gabriela, sempre Gabriela disse... - Responder comentário

Se te serve de consolo eu engordei uns 18 kg desde qdo nos conhecemos kkkk
Vc está e sempre será linda, não pelo externo, mas pelo que existe aí dentro e poucos conhecem.
Bjitos

Anônimo disse... - Responder comentário

Entendo você. Deve ser muito difícil se expor e ter que ouvir M.... quase todos dias, de pessoas que se apresentam como "anônimas" não assumindo seus pensamentos.
Sou uma destas admiradoras que passam aqui TODOS os dias e te seguem sempre (até no face e instagran)...
Adoro este cantinho, como o da Mel, o da Gi, o da Ana, o da Liana, pessoas que se parecem comigo ou melhor que me identifico...
Vou sentir muito sua falta, mas vou continuar te seguindo no face e no Instagran, posso????
Sei que está muito segura de sua decisão só espero que as outras florzinhas deste jardim tb não nos abandonem!!!
Beijinhos carinhosos, Suely

Laura Moreira disse... - Responder comentário

Só tinha visto o post de cima, esse eu não enxerguei.
Mas não vou falar muito de novo.
Como disse no outro, eu entendo. Deve ser imensamente chato e difícil certas coisas em ter blog. Eu, como mera leitora me incomodava com "você tá feia!", "engordou", "Preferia você antes", "Pra quê foi cortar o cabelo?", "Você não posta mais!" Gente, get a life!
Eu vejo meio que como egoísmo, sabe?
Todo mundo tem problemas, tristezas, passa por algum período ruim, ou feliz, ou de realizações. E tipo, ninguém chega pra pessoa que está atrás de você na fila do supermercado e despeja toda a sua alegria/tristeza/angústia assim do nada.
Por que você teria que fazer isso?
Multo julgamento, pouca educação. Muita gente fazendo mau uso de um espaço que só tem a ajudar, a dividir.
É uma pena que tudo tenha levado a isto. =(

Anônimo disse... - Responder comentário

Não querendo ser agoísta, mas sendo...Como é bom ver gente como a gente num blog! É muito chato só ver "bonecas", nascidas em berço de ouro, que vão à Europa 5 vezes por ano, que acham "pechinchas" camisetas básicas de R$ 190,00 e por aí vai.
Entendo que você esteja de saco cheio, mas preciso falar que gosto muito de vir nesse espaço todos os dias.
Não acho sempre que o look tá legal, mas isso é a minha opinião, e eu guardo pra mim, pq quem tem que achar legal é vc, e não eu. Adoro as fotos dos gatinhos e as dicas de decoração.
Vou sentir falta ...
Mas seja muito feliz!!
Bj.

Cris

Vivian Tumasonis disse... - Responder comentário

Lily!!! Você disse tudo! Quanta bobeira falam e escrevem por ai.... Ter um blog era uma delícia, hoje virou um comércio, uma vitrine de moda, uns até chamam de profissão. Não quero que você e a Mel vão embora, sinceramente. O que eu sempre achei bacana num blog, que era ver pessoas reais, as vidas reais, está sendo levado por meninas que acham que ter um blog é imitar uma it girl (wtf?!) Depois que casei, virei mãe meus focos mudaram completamente e os blogs de vocês são dos poucos que ainda gosto de ver, ler...Ainda tem muita gente bacana pela "blogosfera", quem sabe se ausentando vocês não afastem esse povo que entra no blog pra tentar descobrir quantos quilos, ou pra invejar a roupa que você achou sei lá onde...quem sabe!Espero que apareçam de vez em quando, sem cobrança, e continuamos nos falando pelo Facebook! Fique bem, você é muito querida! um beijão!

Anônimo disse... - Responder comentário

talvez o fato de ser gente como a gente pudesse ter aberto seus olhos!
seu blog é especial justamente por isso...
pq vc, como eu, a fulana, a ciclana e a beltrana tem suas milhões de tarefas no dia a dia e ainda assim se importa em estar de bem com si mesma!!!
eu sempre passei por aqui, talvez tenha faltado meu elogio nos comentários para poder balancear esses q julgaram! talvez os q julgaram tenham mais tempo a toa na cabeça para se prender a coisas tão pequenas e vir comentar! os q sempre gostaram como eu, abrem seu blog, deslizam sobre os posts...e saem felizes...anônimos msmo!
de qq forma, mta sorte para vc!
um bjo de uma leitora sempre satisfeita por aqui! :)

Mari disse... - Responder comentário

Oi Lily!

Poxa, eu também já tive esses sintomas de ansiedade...aliás, um dia tive uma crise mto forte de ansiedade, meus pés e mãos começaram a formigar tanto, mas tanto, que eu não conseguia nem me mexer.

Fui para o hospital, o médico me olhou e disse: Viu, você acredita em Deus, frequenta alguma igreja? Eu disse..."Acredito em Deus, sou católica, mas não frequento." Ele me disse: "É porque depressão é doença de quem não tem Deus no coração. Não vou te dar remédio, você precisa buscar a Deus. "

E foi isso que eu fiz!!! Busquei e encontrei um Deus que não conhecia, um Deus que me motivou novamente, transformou tudo o que eu achava que estava bom e me mostrou uma vida que eu nem imaginava que existia. Inexplicável.

O que aquele médico fez por mim, eu tento retribuir e por isso, te digo: Busque a Deus. Se vc se sente triste, ele fará você feliz. Se você já se sente feliz, ele multiplicará sua felicidade e te fará sentir coisas diferentes.
Deus conversa muito comigo através da Bíblia, minha dica é pra vc ler o livro de Romanos, que ao meu ver, é um dos mais lindos.

Beijos!!!!!!!!!!!!!!!!

Anônimo disse... - Responder comentário

Vc sempre foi muito bonita e, engraçado, mas achei vc mais bonita inclusive depois dos quilinhos ganhos. Mas isso não é importante. O importante é estar bem com avida. Boa sorte com tudo.

Abraços

alaeide disse... - Responder comentário

Foi muito bom ser sua amiga durante todo este tempo, uma amiga anônima e silenciosa,porém fiel e admiradora de todo o seu talento e sensibilidade, coisa impar por este mundo afora. Desculpe-me se nunca me pronunciei no seu blog, mas pode acreditar, aqui, no sertão baiano, em Juazeiro/BA, existe alguém que te admira MUITO, e torce pela sua felicidade, seja feliz. um forte abraço.

alaeide disse... - Responder comentário

Foi muito bom ser sua amiga durante todo este tempo, uma amiga anônima e silenciosa,porém fiel e admiradora de todo o seu talento e sensibilidade, coisa impar por este mundo afora. Desculpe-me se nunca me pronunciei no seu blog, mas pode acreditar, aqui, no sertão baiano, em Juazeiro/BA, existe alguém que te admira MUITO, e torce pela sua felicidade, seja feliz. um forte abraço.

Juliana disse... - Responder comentário

Ai não acredito que não irei mais me inspirar nas novas tendencias, acompanhar o que está na moda como era bom ver você com seus looks maravilhosos... Nunca escrevi, mas me identifiquei com seu relato e vim aqui dizer que você está bela, sei como é a tal da "änsiedade" também fiz tratamentos e engordei - adorei - afinal magra como estava em 1,72 com 50 kg !!!! Um horror! Vc tá bela independente de gorda ou magra você está feliz ! Se cuida e se quiser voltar estaremos todas aqui pra acompanhar você com seus modelitos e nos fazer inovar também ! Beijos

Christiane disse... - Responder comentário

Gente como a gente, obrigada Lily por tamanha honestidade, nem precisava, mas foi muito digno. É disso que a gente vai sentir muita falta. bjs querida, não tem mais o que falar.

Regiane Ivo disse... - Responder comentário

Jesus, se você está gorda com 60 kilos a população mundial está obesa! Rsrs... Esse povo, viu!
Eu acompanho seu blog a tempos e só comento quando acho pertinente, portanto vou expor minha opinião já que acho que agora é pertinente... Rsrsr... Prefiro seu estilo agora do que quando você era solteira, pois é mais parecido com a maneira como eu gosto de vestir, então para mim é referência.
Também não acho que você está gorda e os cabelos mais claros e curtos deixaram seu visual mais leve, realçaram o tom clarinho da sua pele e acrescentou um toque mais sofisticado ao seu visual (é o poder do loiro), mas eu também gostava dele mais comprido, bem escuro e dos penteados que fazia... Gostava bastante dos coques altos antes de cortar a primeira vez.
Acredito que o que as pessoas não entendem é que a vida tem ciclos e mudanças acontecem quando esses ciclos mudam, querendo ou não o seu ciclo mudou e o seu estilo também, isso é normal!
Enfim... Manda esse povo que te gonga para a puta que pariu!!! Desculpa o palavrão.
Bjus

Cristina disse... - Responder comentário

Queria eu ter 60 quilos....


Lily!
Te acompanho há pelo menos 2 anos, desde qdo vc tirava foto na janelinha da casa da sua mãe.
Seu blog sempre foi o primeiro que eu entrava logo pela manhã.
Vou ficar órfã, mais o importante é ser feliz.

Beijão

Anônimo disse... - Responder comentário

Olá, nunca comentei nem se quer um oi..mas diante disso eu falo...seu blog é a primeira coisa que eu abro todos os dias.....e amo,achei voce muito mais linda e estilosa depois que casou...não liguqe para o que os outros falam, mas se isso vais ser melhor pra você, Va en frente e seja muito FELIZ!

Unknown disse... - Responder comentário
Este comentário foi removido pelo autor.
Marina Jardim disse... - Responder comentário

Oi, passaram-se dois anos que acompanho seu blog e só agora achei que deveria falar. Gosto muito do seu blog e da Mel, foram os primeiros blogs que conheci e estou muito triste com o fim dos dois, mas se for para que vcs sejam ainda mais felizes, então eu fico feliz também. Parabéns pelo trabalho que fez, obrigada pelas dicas e alegrias que me trouxe, e quanto a estar ou não mais bonita depois do casamento, isso não é problema de ninguém, não se abale por quem não vale à pena. Te desejo todo sucesso e felicidade do mundo. Obrigada mais uma vez por tornar meus dias mais alegres!
Marina Jardim (sim, meu sobrenome é Jardim, rs)

Lolô disse... - Responder comentário

parabéns, seja mais feliz, não se importe com as pessoas

Malmal mal disse... - Responder comentário

Menina linda, hehehe

acompanho seu blog não pra ter sugestões de roupas, mesmo porque tenho 52 anos, mas porque acho vc e sua vida umas gracinhas, feliz, bonita, com gatos, marido que te ama, casa bonita e tudo mais....continue a ser vc mesma, a família reunida agradece e saiba...felicidade causa inveja aos incompetentes..infelizmente devemos saber desse fato e feliz e sabiamente, ignorar tais pessoas (inhas)..beijks e felicidades a vc e sua bela família ;)

Michelle Avila disse... - Responder comentário

O que importa é sermos felizes, não onde nos encaixamos no padrão.
Boa sorte na vida menina! Bjões

Carol disse... - Responder comentário

Na minha opinião você está muito mais bonita. Penso parecido com vc, espero que um dia volte a blogar :)

Larissa disse... - Responder comentário

VC é linda e eu sempre adorei seu blog. Adoro sua casinha e a forma como vc fala de decoração. Seja sempre assim, não mude pra agradar ninguem!

Postar um comentário

Meu jardim está florido.
E o seu?

Posts Relacionados